Entrevista Especial com LUCIANA BRAGA

 

Photobucket

 

 

Neste domingo de Carnaval trago a vocês uma entrevistada especialíssima. Ela pensou seguir a carreira artística aos 8 anos, porém, como ‘brincadeira’, visto que sua formação não permitia trilhar nessa profissão, mas seu destino artístico felizmente já estava traçado, mesmo chegando a cursar a faculdade de fonoaudióloga, a Artes sempre estava presente na sua essência, após se graduar ela decidiu voltar aos palcos, fez cursos e se profissionalizou na carreira de atriz, onde participou em renomados espetáculos teatrais, teve também uma contundente passagem pelo Cinema, mas foi na TV, sobretudo na Teledramaturgia, que ela teve um destaque estonteante, atuou em grandes novelas como: “Sinhá Moça”, “Tieta”, “Helena” – onde viveu a personagem-título, “Meu Bem Meu Mal”, “Éramos Seis”, “As Púpilas do Senhor Reitor”, “O Profeta”, “Poder Paralelo” e atualmente vem dando um show de interpretação como a adorável Fátima da novela “Vidas em Jogo”. Através de sua primorosa interpretação essa grande atriz emocionou e divertiu o público com suas inesquecíveis personagens. A octogésima ‘Entrevista Especial’ do “No Mundo dos Famosos” é com essa atriz que ama, respeita e domina com total maestria seu oficio, a talentosa e belíssima LUCIANA BRAGA.

 

“Eu cresci vendo novelas na televisão, mas nunca havia me imaginado fazendo uma delas.”

 

(Luciana Braga)

 

Photobucket


Jéfferson Balbino: Luciana, começa nos contando como surgiu seu interesse pela carreira artística? Quantos anos você tinha?

 

Luciana Braga: Aos oito anos eu já fazia teatro amador na escola, e isso prosseguiu até a adolescência, mas sempre como uma brincadeira. Minha educação não me permitia pensar nisso como profissão, então cursei a faculdade de fonoaudióloga e deixei o teatro de lado por quatro anos.

 

Photobucket 


Jéfferson Balbino: Que cursos você fez? Como foi seu processo de banca pra obtenção do DRT?

 

Luciana Braga: Quando me decidi voltar aos palcos, fui para a CAL (Casa de Artes de Laranjeiras), aonde reencontrei o Eduardo Tolentino, diretor do Grupo Tapa com quem eu já havia trabalhado nos tempos de amadora. Consegui um registro provisório para fazer “O Tempo e os Conways” com o grupo e ganhei o prêmio Mambembe – do Ministério da Cultura - de revelação, em 1985. O próprio sindicato, então, decidiu oficializar meu registro.

 

 Photobucket

 

Jéfferson Balbino: Sua estréia em novela aconteceu em “Sinhá Moça” (TV Globo/1986). Como foi a responsabilidade em estrear numa novela do grande Benedito Ruy Barbosa?

 

Luciana Braga: Foi intenso e assustador. Eu cresci vendo novelas na televisão, mas nunca havia me imaginado fazendo uma delas. Para mim, teatro e TV eram coisas totalmente diferentes. E havia muito preconceito, naquela época, dos atores de teatro em relação à TV. Além disso, eu não fazia a menor idéia de como atuar para as câmeras. Mas após algum tempo eu já estava gostando. Inicialmente o personagem era bem pequeno, mas cresceu bastante durante a trama, o que me deu muita confiança. Adoro as novelas do Benedito Ruy Barbosa e a força poética da sua prosa, que retrata o interior do Brasil lindamente.

 



Escrito por jéfferson às 13h45
- Comente aqui


Deixe o seu comentário.





Entrevista Especial com LUCIANA BRAGA

 

Photobucket

 

Jéfferson Balbino: Como surgiu o convite pra você protagonizar a novela “Helena” (Rede Manchete/1987)?

 

Luciana Braga: Conheci o José Wilker na época em que eu fazia o “Tempo e os Conways” e ele me convidou para protagonizar um vídeo infantil musical baseado na estória de Cinderela. Quando ele assumiu a direção artística das novelas da Manchete, me fez o convite irrecusável. Era minha segunda novela e eu já fazia uma protagonista!Que loucura, não é?

 

Jéfferson Balbino: Que lembranças você tem da Lana, sua personagem na novela “Olho por Olho” (Rede Manchete/1988)?

 

Luciana Braga: Foi um tempo confuso. A novela era cheia de boas intenções, com uma trama policial, algo que não se via muito na TV na época. Mas a Manchete já estava com problemas administrativos e financeiros e isso se refletiu no trabalho. Não tivemos audiência e tudo se encerrou abruptamente. Mas foi uma oportunidade para experimentar as possibilidades do erro...

 

Photobucket


Jéfferson Balbino: O que é mais gratificante na carreira de atriz?

 

Luciana Braga: Viver tantas vidas numa só.

 

Jéfferson Balbino: Como foi a emoção em ganhar o Troféu Imprensa de Melhor Revelação por seu trabalho na novela “Tieta” (TV Globo/1989)?

 

Luciana Braga: É maravilhoso ver o seu trabalho reconhecido. Ainda mais em larga escala! Imaculada foi,talvez, o personagem mais rico de possibilidades que eu tive na TV. Doce e selvagem, romântica e guerreira, livre e aprisionada. Foi estonteante. As parcerias com Ary Fontoura (e sua generosidade) e o querido Cássio Gabus Mendes; aquele elenco deslumbrante, a direção firme de Paulo Ubiratan, o texto afiado de Aguinaldo Silva... Adoraria rever essa novela, que era ótima!

 

Jéfferson Balbino: O que você destacaria do seu trabalho na novela “Meu Bem Meu Mal” (TV Globo/1990)?

 

Luciana Braga: Procurei investir um pouco mais no humor. Foi bastante divertido! Repeti uma parceria com o Cássio Gabus, que é ótimo ator e um companheiro de trabalho nota dez e conheci o Fábio Assunção em seu primeiro trabalho, com quem contracenei até o fim da novela e que dispensa qualquer comentário.

 

Jéfferson Balbino: Qual você considera seu maior trabalho no Teatro?

 

Luciana Braga: Não dá para escolher um só.

 

 

Jéfferson Balbino: Um dos seus trabalhos mais marcantes foi a Sandra da novela “Renascer” (TV Globo/1993). Que importância essa personagem tem na sua carreira?

 

Luciana Braga: Benedito Ruy Barbosa me deu a oportunidade de fazer essa delicada personagem, que, por amor, se transformou profundamente ao longo da trama. Além disso, elenco e equipe eram incríveis. É uma época da qual tenho saudades.

 

Photobucket


Jéfferson Balbino: Você também foi uma das protagonistas da novela “Éramos Seis” (SBT/1994). Você chegou a ler o romance da Maria José Dupré pra compor a personagem ou o texto do Silvio de Abreu tinha todo o respaldo necessário?

 

Luciana Braga: Não li o romance na época. Preferi me deixar levar pelo texto da novela, sem qualquer influência. Outra época muito feliz conheci a Irene Ravache e aprendi muito com ela. Ela é um exemplo de postura e atitude. Sem falar no humor e no talento.

 



Escrito por jéfferson às 13h43
- Comente aqui


Deixe o seu comentário.





Entrevista Especial com LUCIANA BRAGA

 

Photobucket

 

 

Jéfferson Balbino: Um dos seus trabalhos que eu mais gostei foi a Clara da maravilhosa novela “As Púpilas do Senhor Reitor” (SBT/1994). Como foi contracenar com o grande ator Juca de Oliveira nessa trama?

 

Luciana Braga: O Juca de Oliveira é um homem de teatro, muito inteligente e cheio de conhecimento de vida. Era ótimo trabalhar com ele e com a Débora Bloch, atriz que eu admiro e que se tornou uma amiga. Foi muito bom saber que eu poderia desfrutar dessa convivência que aceitei emendar o trabalho as novelas: “Éramos Seis” com “As Pupilas do Senhor Reitor”.

 

Jéfferson Balbino: Você também atuou no “Você Decide” (TV Globo/1998) e no “Casos e Acasos” (TV Globo/2008). Como você se prepara para essas participações rápidas? Chega a ter apego aos personagens?

 

Luciana Braga:É quase como um improviso em teatro. Não há muito tempo. A primeira leitura é a que vale. Precisamos estar disponíveis e atentos. Não há apego.

 

 Photobucket


Jéfferson Balbino: Já faz algum tempo que você não faz Cinema. Tem planos de voltar a atuar na telona?

 

Lucina Braga: O cinema é eventual na minha carreira. Infelizmente.

 

Jéfferson Balbino: Em 2002, você fez parte do elenco da novela “Esperança” (TV Globo/2002), trama essa que foi marcada por baixa audiência e uma conturbada troca de autores, onde o Benedito Ruy Barbosa foi substituído pelo Walcyr Carrasco. Já entrevistei alguns atores do elenco dessa novela que me revelaram ter passado por momento de tensão, como por exemplo a atriz Eliana Guttman que fez a seguinte revelação: “Pra mim não foi legal... Ficávamos perdidos sem saber o que fazer, ficávamos no estúdio esperando cenas pra serem gravadas imediatamente e ir ao ar no dia seguinte. Foi muito estressante...”. Por isso gostaria de saber se “Esperança” também foi uma novela traumática pra você?

 

Luciana Braga: Foi como participar de um especial. Estava disponível e atenta. Mas entrei na novela apenas para uma participação e não compartilhei desses momentos de stress e tensão. Percebi o clima de desconforto no ar e procurei trazer um pouco de leveza. Para mim, foi legal.

 

Jéfferson Balbino: Na novela “O Profeta” (TV Globo/2006), você interpretou a perversa Sofia que vivia armando com a vilã Lia (Nívea Maria). Qual foi sua fonte de inspiração pra interpretá-la?

 

Luciana Braga: Valeu aí a mesma postura do improviso. Eu entrei na novela nos últimos meses e não tive muito tempo de preparação. Me diverti um bocado com tanta malvadeza.

 

Photobucket


Jéfferson Balbino: Em sua opinião, que importância a telenovela tem em termos sócio-culturais?

 

Luciana Braga: Novela é entretenimento gratuito. Mas quando aborda temas polêmicos pode virar uma boa fonte de debates culturais, sociais, sexuais, políticos, e outros tantos! O pessoal questiona a postura dos personagens nas mesas de bar. E o debate pode levar o mundo um ‘passinho’ adiante.

 

Jéfferson Balbino: Já na novela “Negócio da China” (TV Globo/2008) sua personagem, a Denise, era filha da maravilhosa atriz Nathália Timberg. Como era nos bastidores sua convivência com essa grande atriz?

 

Luciana Braga: Éramos mesmo como mãe e filha. Nathália, além de grande atriz, é uma pessoa elegante e afetuosa. Foi um grande prazer.

 



Escrito por jéfferson às 13h40
- Comente aqui


Deixe o seu comentário.





Entrevista Especial com LUCIANA BRAGA

 

Photobucket

 

 

Jéfferson Balbino: Quando preparamos a Homenagem ao Lauro César Muniz, você participou com um depoimento maravilhoso onde você disse: Finalmente, em 2009, fiz uma novela inteiramente escrita por ele. Poder Paralelo. E fiquei surpresa com os rumos da personagem Laila, que nem eu mesma imaginava ser capaz de fazer, tão distante de mim ela era. Uma estória densa, retratando o lado obscuro do ser humano, totalmente afinada com os tempos confusos em que vivemos.”.  Várias atrizes, entre elas, Regina Duarte e Rosamaria Murtinho, me disseram que o texto do nosso querido Lauro é um primor, fácil de decorar, enfim extremamente gratificante para o ator interpretar. Que avaliação você faz do texto desse competente novelista?

 

Luciana Braga: Lauro é um autor corajoso, não foge da densidade ou de temas espinhosos. Tampouco cai no lugar comum. É realmente gratificante trabalhar com seus textos.

 

Jéfferson Balbino: Você como muitos iniciantes atores começou sua carreira no Teatro Amador, porém, assim que ingressou na TV teve uma ascensão rápida e bem sucedida. Que dica você deixa aos jovens atores que almejam chegar à TV, principalmente os que residem fora do eixo Rio-São Paulo?

 

Luciana Braga: A ascensão rápida não é assim tão positiva. É importante estar preparado. Adquirir o máximo de conhecimento, estudar o mais possível, buscar foco e concentração. Estar atento a tudo (como num improviso!) e não esperar pelo sucesso e pela fama. Pois, se vierem, é a parte mais difícil do trabalho. E, é o preparo adquirido que nos mantêm firmes, numa jornada cheia de altos e baixos, aonde o equilíbrio emocional e o amor pelo exercício da profissão são fundamentais.

 

Photobucket


Jéfferson Balbino: Eu sou fã assíduo da novela “Vidas em Jogo” (Rede Record/2011) e estou adorando sua atual personagem à tragicômica Fátima. Como está sendo trabalhar com a nossa querida Cris Fridmann?

 

Luciana Braga: Sensacional! Adoro a Fátima e toda a novela da Cristianne. O ritmo da novela é eletrizante e os personagens cheios de contradições. O prato é cheio e eu estou me lambuzando feito criança (risos)!

 

Jéfferson Balbino: Agora com o fim da novela, o que pretende fazer?

 

Luciana Braga: Descansar.

 

Jéfferson Balbino: Como é a Luciana Braga telespectadora? O que você vem assistindo na TV?

 

Luciana Braga: Hoje em dia assisto pouca TV, apenas o que a vida me permite. Gosto de ver jornal, alguns poucos programas na TV a cabo, e, obviamente, “Vidas em Jogo”.

 

 

Jéfferson Balbino: Antes de finalizarmos, não poderia faltar a nossa pergunta tradicional: Quais foram às melhores novelas que você assistiu?

 

Luciana Braga: As novelas marcaram bastante minha infância e adolescência. Vai ser difícil citar apenas algumas. “Irmãos Coragem”, “Selva de Pedra”, “O Casarão”, “Dancin’ Days”... São muitas!

 

Jéfferson Balbino: Querida, muito obrigado por conceder essa entrevista ao “No Mundo dos Famosos” foi uma honra ter você como entrevistada. Saiba que sempre admirei muito seu primoroso trabalho em nossa teledramaturgia. Beijos e muito mais sucesso!

 

Luciana Braga: Obrigada a você Jéfferson, pela oportunidade de rever um pouco da minha feliz trajetória.  Que o sucesso seja nosso! Um beijo.

 



Escrito por jéfferson às 13h36
- Comente aqui


Deixe o seu comentário.





Entrevista Especial - NO MUNDO DOS FAMOSOS

OUTRAS ENTREVISTAS

 

 1 - NILSON XAVIER (escritor)

2 - MARGARETH BOURY (autora de novelas)

3 - REYNALDO BOURY (diretor de TV)

4 - BABI XAVIER (atriz/apresentadora)

5 - NÉLIO JÚNIOR (jornalista/repórter de TV)

6 - MARCÍLIO MORAES (autor de novelas)

7 - RICARDO LINHARES (autor de novelas)

8 - ANA MARIA MORETZSOHN (autora de novelas)

9 - DUCA RACHID (autora de novelas)

10 - ADA CHASELIOV (atriz)

11 - MAYRA DIAS GOMES (escritora)

12 - THELMA GUEDES (autora de novelas)

13 – ANDRÉ REBELLO (ator)

14 – KADU MOLITERNO (ator)

15 - MAURICIO MACHADO (ator)

16 - LAURO CÉSAR MUNIZ (autor de novelas)

17 - STELLA FREITAS (atriz)

18 - ALCIDES NOGUEIRA (autor de novelas)

19 - EDWIN LUISI (ator)

20 - MAURO ALENCAR (Doutor em Teledramaturgia/escritor)

21 - SOLANGE CASTRO NEVES (autora de novelas)

22 - WALTHER NEGRÃO (autor de novelas)

23 - BÁRBARA BRUNO (atriz)

24 - RENATA DIAS GOMES (autora de novelas)

25 - MATEUS CARRIERI (ator)

26 - LETÍCIA DORNELLES (autora de novelas)

27 - TAMARA TAXMAN (atriz)

28 - AIMAR LABAKI (dramaturgo/autor de novelas)

29 - LUCÉLIA SANTOS (atriz)

30 - FÁBIO FABRÍCIO FABRETTI (escritor)

31 - EDUARDO NASSIFE (escritor)

32 - ROSANE GOFMAN (atriz)

33 - CRISTIANNE FRIDMANN (autora de novelas)

34 - RODRIGO PHAVANELLO (ator)

35 - YOYA WURSCH (autora de novelas/roteirista)

36 - INGRA LIBERATO (atriz)

37 - JOÃO CAMARGO (ator)

38 - GILBERTO BRAGA (autor de novelas)

39 - DÉO GARCEZ (ator)

40 - PATRÍCIA MORETZSOHN (autora de novelas)

41 - BETH GOULART (atriz)

42 - MANOEL CARLOS (autor de novelas)

43 - VANESSA GOULARTT (atriz)

44 - DENISE EMMER (escritora)

45 - MARIA ADELAIDE AMARAL (autora de novelas)

46 - WALCYR CARRASCO (autor de novelas)

47 - LEONA CAVALLI (atriz)

48 - AZIZ BAJUR (dramaturgo)

49 - FÁTIMA FREIRE (atriz)

50 - VIVIAN DE OLIVEIRA (autora de novelas)

51 - JÉFFERSON BALBINO (blogueiro)

52 - SILVIO DE ABREU (autor de novelas)

53 - PEDRO NESCHLING (ator)

54 - JORGE BRASIL (jornalista)

55 - NORMA BLUM (atriz)

56 - DENISE DEL VECCHIO (atriz)

57 - RODRIGO ANDRADE (ator)

58 - LUCINHA LINS (atriz)

59 - CLAUDIO LINS (ator)

60 - NARJARA TURETTA (atriz)

61 - CLAUDINO MAYER (escritor/pesquisador em teledramaturgia)

62 - ANDRÉ FRATESCHI (ator)

63 - TUNA DWEK (atriz/escritora)

64 - TÂNIA BONDEZAN (atriz)

65 - GERALDO CARNEIRO (autor de novelas)

66 - ROSAMARIA MURTINHO (atriz)

67 - VINCENT VILLARI (autor de novelas)

68 - TÁSSIA CAMARGO (atriz)

69 - YVES DUMONT (autor de novelas)

70 - ANDRÉ DI MAURO (ator)

71 - HERSCH W. BASBAUM (escritor e dramaturgo)

72 - ELIANA GUTTMAN (atriz)

73 - RENATO MODESTO (ator, escritor, dramaturgo e novelista)

74 - FAFY SIQUEIRA (atriz, cantora, humorista e compositora)

75 - CACÁ DIEGUES (cineasta)

76 - CLARISSE ABUJAMRA (atriz)

77 - BLOTA FILHO (ator)

78 - MÁRCIO KIELING (ator)

79 - REJANE ARRUDA (atriz e Doutoranda em Artes Cênicas

80 - LUCIANA BRAGA (atriz)

 

HISTÓRIAS DE NOVELISTAS

 

LAURO CÉSAR MUNIZ

 

SESSÃO ESPECIAL

 

Aniversário da autora MARIA ADELAIDE AMARAL

Jéfferson Balbino conversa com o ator LIMA DUARTE

Jéfferson Balbino conversa com a atriz REGINA DUARTE

CHIQUINHA GONZAGA

 

Fale com o NO MUNDO DOS FAMOSOS

 

nomundodosfamosos@nomundodosfamosos.com.br 

jefferson.balbino@nomundodosfamosos.com.br



Escrito por jéfferson às 13h11
- Comente aqui


Deixe o seu comentário.





Próximo Entrevistado: JÚLIO FISCHER

SEMANA QUE VEM...

Minha "Entrevista Especial" é com o autor de novelas

JÚLIO FISCHER

Não Perca!



Escrito por jéfferson às 11h51
- Comente aqui


Deixe o seu comentário.



Histórico:

- 26/01/2014 a 01/02/2014
- 19/01/2014 a 25/01/2014
- 12/01/2014 a 18/01/2014
- 05/01/2014 a 11/01/2014
- 29/12/2013 a 04/01/2014
- 22/12/2013 a 28/12/2013
- 08/12/2013 a 14/12/2013
- 01/12/2013 a 07/12/2013
- 24/11/2013 a 30/11/2013
- 17/11/2013 a 23/11/2013
- 10/11/2013 a 16/11/2013
- 03/11/2013 a 09/11/2013
- 27/10/2013 a 02/11/2013
- 20/10/2013 a 26/10/2013
- 13/10/2013 a 19/10/2013
- 06/10/2013 a 12/10/2013
- 29/09/2013 a 05/10/2013
- 22/09/2013 a 28/09/2013
- 15/09/2013 a 21/09/2013
- 08/09/2013 a 14/09/2013
- 01/09/2013 a 07/09/2013
- 25/08/2013 a 31/08/2013
- 18/08/2013 a 24/08/2013
- 11/08/2013 a 17/08/2013
- 04/08/2013 a 10/08/2013
- 28/07/2013 a 03/08/2013
- 21/07/2013 a 27/07/2013
- 14/07/2013 a 20/07/2013
- 07/07/2013 a 13/07/2013
- 23/06/2013 a 29/06/2013
- 16/06/2013 a 22/06/2013
- 09/06/2013 a 15/06/2013
- 02/06/2013 a 08/06/2013
- 19/05/2013 a 25/05/2013
- 12/05/2013 a 18/05/2013
- 05/05/2013 a 11/05/2013
- 28/04/2013 a 04/05/2013
- 21/04/2013 a 27/04/2013
- 14/04/2013 a 20/04/2013
- 07/04/2013 a 13/04/2013
- 31/03/2013 a 06/04/2013
- 24/03/2013 a 30/03/2013
- 17/03/2013 a 23/03/2013
- 10/03/2013 a 16/03/2013
- 24/02/2013 a 02/03/2013
- 17/02/2013 a 23/02/2013
- 10/02/2013 a 16/02/2013
- 27/01/2013 a 02/02/2013
- 20/01/2013 a 26/01/2013
- 06/01/2013 a 12/01/2013
- 23/12/2012 a 29/12/2012
- 09/12/2012 a 15/12/2012
- 02/12/2012 a 08/12/2012
- 11/11/2012 a 17/11/2012
- 04/11/2012 a 10/11/2012
- 28/10/2012 a 03/11/2012
- 21/10/2012 a 27/10/2012
- 14/10/2012 a 20/10/2012
- 07/10/2012 a 13/10/2012
- 23/09/2012 a 29/09/2012
- 26/08/2012 a 01/09/2012
- 19/08/2012 a 25/08/2012
- 22/07/2012 a 28/07/2012
- 15/07/2012 a 21/07/2012
- 01/07/2012 a 07/07/2012
- 24/06/2012 a 30/06/2012
- 17/06/2012 a 23/06/2012
- 10/06/2012 a 16/06/2012
- 03/06/2012 a 09/06/2012
- 27/05/2012 a 02/06/2012
- 20/05/2012 a 26/05/2012
- 13/05/2012 a 19/05/2012
- 06/05/2012 a 12/05/2012
- 29/04/2012 a 05/05/2012
- 22/04/2012 a 28/04/2012
- 08/04/2012 a 14/04/2012
- 01/04/2012 a 07/04/2012
- 25/03/2012 a 31/03/2012
- 18/03/2012 a 24/03/2012
- 11/03/2012 a 17/03/2012
- 04/03/2012 a 10/03/2012
- 26/02/2012 a 03/03/2012
- 19/02/2012 a 25/02/2012
- 12/02/2012 a 18/02/2012
- 05/02/2012 a 11/02/2012
- 29/01/2012 a 04/02/2012
- 22/01/2012 a 28/01/2012
- 15/01/2012 a 21/01/2012
- 08/01/2012 a 14/01/2012
- 25/12/2011 a 31/12/2011
- 18/12/2011 a 24/12/2011
- 11/12/2011 a 17/12/2011
- 04/12/2011 a 10/12/2011
- 27/11/2011 a 03/12/2011
- 20/11/2011 a 26/11/2011
- 13/11/2011 a 19/11/2011
- 06/11/2011 a 12/11/2011
- 30/10/2011 a 05/11/2011
- 23/10/2011 a 29/10/2011
- 16/10/2011 a 22/10/2011
- 02/10/2011 a 08/10/2011
- 25/09/2011 a 01/10/2011
- 18/09/2011 a 24/09/2011
- 11/09/2011 a 17/09/2011
- 04/09/2011 a 10/09/2011
- 28/08/2011 a 03/09/2011
- 21/08/2011 a 27/08/2011
- 14/08/2011 a 20/08/2011
- 07/08/2011 a 13/08/2011
- 26/06/2011 a 02/07/2011
- 12/06/2011 a 18/06/2011
- 05/06/2011 a 11/06/2011
- 22/05/2011 a 28/05/2011
- 08/05/2011 a 14/05/2011
- 24/04/2011 a 30/04/2011
- 17/04/2011 a 23/04/2011
- 10/04/2011 a 16/04/2011
- 03/04/2011 a 09/04/2011
- 27/03/2011 a 02/04/2011
- 20/03/2011 a 26/03/2011
- 13/03/2011 a 19/03/2011
- 06/03/2011 a 12/03/2011
- 27/02/2011 a 05/03/2011
- 13/02/2011 a 19/02/2011
- 06/02/2011 a 12/02/2011
- 30/01/2011 a 05/02/2011
- 23/01/2011 a 29/01/2011
- 16/01/2011 a 22/01/2011
- 09/01/2011 a 15/01/2011
- 02/01/2011 a 08/01/2011
- 26/12/2010 a 01/01/2011
- 19/12/2010 a 25/12/2010
- 12/12/2010 a 18/12/2010
- 05/12/2010 a 11/12/2010
- 28/11/2010 a 04/12/2010