Entrevista Especial com CÁSSIO GABUS MENDES

 

A primeira “Entrevista Especial” do “No Mundo dos Famosos” de 2014 é com um dos mais renomados atores da teledramaturgia brasileira, filho do saudoso Cassiano Gabus Mendes, e irmão do talentoso ator Tato Gabus ele levou a mulherada ao delírio das décadas de 1980 e 90, ao fazer o mocinho Afoso Roitman na novela “Vale Tudo”, o seminarista Ricardo de “Tieta” ou o rebelde João Alfredo na minissérie “Anos Rebeldes”. Já nos anos 2000 ele vive personagens que o consagrou ainda mais como um dos melhores atores do nosso país como o seringueiro Chico Mendes da minissérie “Amazônia...”. Atualmente ele vem dando um show de interpretação na novela das sete “Além do Horizonte” como o Líder Jorge. Meu entrevistado é o talentoso ator CÁSSIO GABUS MENDES.

“Nada é mais gratificante, em qualquer carreira, fazer o que você mais gosta, isso não tem preço e por isso é tão difícil as vezes.”

(Cássio Gabus Mendes)

Jéfferson Balbino: Cássio como está sendo atuar na atual novela das sete, “Além do Horizonte” (TV Globo/2013)?

Cássio Gabus Mendes: Olha Jéfferson eu digo que segredos e mistérios estão dominando esse trabalho. Meu personagem é o líder Jorge que é uma pessoa que dá umas palestras do Rio e que vai selecionar e procura selecionar pessoas que vão para o além do horizonte, para a felicidade...

Jéfferson Balbino: E o que você destacaria do texto do Carlos Gregório e do Marcos Bernstein?

Cássio Gabus Mendes: O texto deles é muito bom, eles estão estreando como autores titular de novelas, eu já os conhecia antes de trabalhos em seriados e em cinema, é claro que o formato é outro, o tema é diferente, a condição de trabalho, os limites e avanços são diferentes, o tom é diferente, mas eles são extremamente talentosos, refinados, o texto é muito interessante, e mesmo sendo a primeira nós temos um horizonte muito bacana... Enfim, a novela tem um tema muito bacana e com mistérios e segredos até pra gente e eu estou muito feliz em participar.

Jéfferson Balbino: O que você considera ser mais gratificante na carreira de ator?

Cássio Gabus Mendes: Nada é mais gratificante, em qualquer carreira, fazer o que você mais gosta, isso não tem preço e por isso é tão difícil as vezes. Prosseguir na carreira que eu sempre gostei não tem preço.

Jéfferson Balbino: Foi seu pai, o grande Cassiano Gabus Mendes que te motivou a ser ator?

Cássio Gabus Mendes: Não... Ninguém me motivou, as coisas foram acontecendo. Em casa nunca teve essa coisa de indicarem a seguir a carreira artística. Sempre foram indicados os estudos, sempre em primeiro. Foi uma coisa muito natural, as coisas foram acontecendo e conspirando, nunca houve uma imposição em momento algum.

Jéfferson Balbino: Por falar no seu pai, ele é uma das maiores lendas na história da televisão brasileira. Que visão você tem dele como mito?

Cássio Gabus Mendes: Jéfferson, meu pai é um dos pioneiros da TV Brasileira e não só como autor de novelas. Se você contar a história da nossa televisão em qualquer momento que for o meu pai sempre vai ter um espaço ali e tem que estar presente se não, não faz sentido. Então é muito simples ele faz parte da história e isso já diz tudo.  

Jéfferson Balbino: Recentemente a novela “Vale Tudo” (TV Globo/1988) foi reprisada pelo Canal Viva ocasionando novamente um grande sucesso. Você que foi um dos protagonistas dessa clássica novela como foi rever essa obra de tamanha repercussão?

Cássio Gabus Mendes: Eu não tive a oportunidade de ficar revendo, assistindo... Mas eu fiquei impressionado com a repercussão ainda mais por ser de outra geração, já que em 1988 os costumes eram outros, as roupas eram diferentes, era outro movimento, por isso eu fiquei impressionado não imaginaria que tivesse essa resposta de uma geração nova. Então eu achei interessante como foi!

Jéfferson Balbino: Então você acredita que uma boa novela sempre irá resistir ao tempo e assim atravessar gerações?

Cássio Gabus Mendes: Sim! Foi à teledramaturgia que levou a esse interesse a uma geração nova, nada mais que isso, porque se você for comparar as coisas de costume isso influi muito e perde a credibilidade. E com “Vale Tudo” foi plenamente a dramaturgia que faz a diferença.

Jéfferson Balbino: Se você pudesse escolher o melhor momento da sua carreira na teledramaturgia qual seria?

Cássio Gabus Mendes: Ah... Não tem como! E não tenho graças a Deus porque isso significa que eu sou um ator que tive muita sorte que precisava ter para ter oportunidades de ter participado de trabalhos importantes, de autores importantes em 32 anos de carreira, então eu não tenho como escolher isso eu sou muito feliz em todos os trabalhos que fiz.

Jéfferson Balbino: Nem entre os trabalhos que você fez com o seu pai?

Cássio Gabus Mendes: Nem entre os que eu fiz com meu pai...

Jéfferson Balbino: Eu digo em relação a um carinho mais especial por determinado personagem?

Cássio Gabus Mendes: Eu tenho um carinho por todos os personagens que fiz, tenho uma lembrança deles e um pouco de ciúmes. Eu vivo muito também o personagem atual, aquele que estou passando agora estou pensando nesse personagem em “Além do Horizonte” é isso que estou vivendo agora, as outras coisas eu vou guardando dentro do coração e na memória.  Os demais personagens continuam fazendo parte da minha vida, os momentos, as décadas e os costumes e isso é muito rico e honestamente não tem como eu eleger um e blindá-lo com uma luz. Eu trago sempre comigo que e tive e tenho uma carreira que foi possível devido às oportunidades que tive.

Jéfferson Balbino: E você é um ator que assiste novela também?

Cássio Gabus Mendes: Eu assisto novelas, mas hoje em dia não assisto muito. Com o nosso ritmo de trabalho fica difícil. A gente não para, agora, por exemplo, eu sai direto de uma gravação eu já teria perdido o horário da novela, mas já assiste novela daquele jeito de acompanhar todos os dias, mas infelizmente isso aconteceu há muitos anos atrás (risos). Eu já fui muito noveleiro também Jéfferson!

Jéfferson Balbino: E quais foram às novelas que mais te marcou?

Cássio Gabus Mendes: Ah teve muita coisa boa...

Jéfferson Balbino: A maioria dos meus entrevistados cita “Que Rei Sou Eu?” que foi escrita pelo seu pai...

Cássio Gabus Mendes: Exatamente, mas por ser do meu pai – eu até evito falar - pode parecer que estou puxando o saco, mas eu não participei, então sem dúvida nenhuma é uma das principais novelas da história da teledramaturgia brasileira.

Jéfferson Balbino: Cássio, obrigado por conceder essa entrevista ao “No Mundo dos Famosos”, parabéns pela brilhante carreira, muito mais sucesso e um Feliz 2014 pra você e sua família. Abraço!

 

Cássio Gabus Mendes: Obrigado Jéfferson, pra você também!



Escrito por jéfferson às 20h19
- Comente aqui


Deixe o seu comentário.





EM BREVE...



Escrito por jéfferson às 20h18
- Comente aqui


Deixe o seu comentário.





Ainda Hoje: Entrevista Especial com CÁSSIO GABUS MENDES



Escrito por jéfferson às 20h17
- Comente aqui


Deixe o seu comentário.



Histórico:

- 26/01/2014 a 01/02/2014
- 19/01/2014 a 25/01/2014
- 12/01/2014 a 18/01/2014
- 05/01/2014 a 11/01/2014
- 29/12/2013 a 04/01/2014
- 22/12/2013 a 28/12/2013
- 08/12/2013 a 14/12/2013
- 01/12/2013 a 07/12/2013
- 24/11/2013 a 30/11/2013
- 17/11/2013 a 23/11/2013
- 10/11/2013 a 16/11/2013
- 03/11/2013 a 09/11/2013
- 27/10/2013 a 02/11/2013
- 20/10/2013 a 26/10/2013
- 13/10/2013 a 19/10/2013
- 06/10/2013 a 12/10/2013
- 29/09/2013 a 05/10/2013
- 22/09/2013 a 28/09/2013
- 15/09/2013 a 21/09/2013
- 08/09/2013 a 14/09/2013
- 01/09/2013 a 07/09/2013
- 25/08/2013 a 31/08/2013
- 18/08/2013 a 24/08/2013
- 11/08/2013 a 17/08/2013
- 04/08/2013 a 10/08/2013
- 28/07/2013 a 03/08/2013
- 21/07/2013 a 27/07/2013
- 14/07/2013 a 20/07/2013
- 07/07/2013 a 13/07/2013
- 23/06/2013 a 29/06/2013
- 16/06/2013 a 22/06/2013
- 09/06/2013 a 15/06/2013
- 02/06/2013 a 08/06/2013
- 19/05/2013 a 25/05/2013
- 12/05/2013 a 18/05/2013
- 05/05/2013 a 11/05/2013
- 28/04/2013 a 04/05/2013
- 21/04/2013 a 27/04/2013
- 14/04/2013 a 20/04/2013
- 07/04/2013 a 13/04/2013
- 31/03/2013 a 06/04/2013
- 24/03/2013 a 30/03/2013
- 17/03/2013 a 23/03/2013
- 10/03/2013 a 16/03/2013
- 24/02/2013 a 02/03/2013
- 17/02/2013 a 23/02/2013
- 10/02/2013 a 16/02/2013
- 27/01/2013 a 02/02/2013
- 20/01/2013 a 26/01/2013
- 06/01/2013 a 12/01/2013
- 23/12/2012 a 29/12/2012
- 09/12/2012 a 15/12/2012
- 02/12/2012 a 08/12/2012
- 11/11/2012 a 17/11/2012
- 04/11/2012 a 10/11/2012
- 28/10/2012 a 03/11/2012
- 21/10/2012 a 27/10/2012
- 14/10/2012 a 20/10/2012
- 07/10/2012 a 13/10/2012
- 23/09/2012 a 29/09/2012
- 26/08/2012 a 01/09/2012
- 19/08/2012 a 25/08/2012
- 22/07/2012 a 28/07/2012
- 15/07/2012 a 21/07/2012
- 01/07/2012 a 07/07/2012
- 24/06/2012 a 30/06/2012
- 17/06/2012 a 23/06/2012
- 10/06/2012 a 16/06/2012
- 03/06/2012 a 09/06/2012
- 27/05/2012 a 02/06/2012
- 20/05/2012 a 26/05/2012
- 13/05/2012 a 19/05/2012
- 06/05/2012 a 12/05/2012
- 29/04/2012 a 05/05/2012
- 22/04/2012 a 28/04/2012
- 08/04/2012 a 14/04/2012
- 01/04/2012 a 07/04/2012
- 25/03/2012 a 31/03/2012
- 18/03/2012 a 24/03/2012
- 11/03/2012 a 17/03/2012
- 04/03/2012 a 10/03/2012
- 26/02/2012 a 03/03/2012
- 19/02/2012 a 25/02/2012
- 12/02/2012 a 18/02/2012
- 05/02/2012 a 11/02/2012
- 29/01/2012 a 04/02/2012
- 22/01/2012 a 28/01/2012
- 15/01/2012 a 21/01/2012
- 08/01/2012 a 14/01/2012
- 25/12/2011 a 31/12/2011
- 18/12/2011 a 24/12/2011
- 11/12/2011 a 17/12/2011
- 04/12/2011 a 10/12/2011
- 27/11/2011 a 03/12/2011
- 20/11/2011 a 26/11/2011
- 13/11/2011 a 19/11/2011
- 06/11/2011 a 12/11/2011
- 30/10/2011 a 05/11/2011
- 23/10/2011 a 29/10/2011
- 16/10/2011 a 22/10/2011
- 02/10/2011 a 08/10/2011
- 25/09/2011 a 01/10/2011
- 18/09/2011 a 24/09/2011
- 11/09/2011 a 17/09/2011
- 04/09/2011 a 10/09/2011
- 28/08/2011 a 03/09/2011
- 21/08/2011 a 27/08/2011
- 14/08/2011 a 20/08/2011
- 07/08/2011 a 13/08/2011
- 26/06/2011 a 02/07/2011
- 12/06/2011 a 18/06/2011
- 05/06/2011 a 11/06/2011
- 22/05/2011 a 28/05/2011
- 08/05/2011 a 14/05/2011
- 24/04/2011 a 30/04/2011
- 17/04/2011 a 23/04/2011
- 10/04/2011 a 16/04/2011
- 03/04/2011 a 09/04/2011
- 27/03/2011 a 02/04/2011
- 20/03/2011 a 26/03/2011
- 13/03/2011 a 19/03/2011
- 06/03/2011 a 12/03/2011
- 27/02/2011 a 05/03/2011
- 13/02/2011 a 19/02/2011
- 06/02/2011 a 12/02/2011
- 30/01/2011 a 05/02/2011
- 23/01/2011 a 29/01/2011
- 16/01/2011 a 22/01/2011
- 09/01/2011 a 15/01/2011
- 02/01/2011 a 08/01/2011
- 26/12/2010 a 01/01/2011
- 19/12/2010 a 25/12/2010
- 12/12/2010 a 18/12/2010
- 05/12/2010 a 11/12/2010
- 28/11/2010 a 04/12/2010